Tarô Experimental: O Livro


Comentei com alguns leitores deste Blog que estou criando um jogo de lâminas que chamo de meu Tarô Experimental. São fotografias (adoro fotografar) que eu recombino com transparências e sobreposições. Queria mesmo desenhar e pintar cada uma das cartas individualmente, mas... cadê tempo pra isso? Acho que vai ficar alguma coisa assim, como esta carta à qual batizei de O LIVRO. O mais divertido é que o fundo é uma vista do Guaíba tomada por celular, e a forma, o recorte do vitral da porta de uma igreja do interior de São Paulo. Depois de recompor, ainda entra regular tamanho, margens e dar nome.

Criar os sentidos não será difícil também, afinal, olhando-se esta carta, O LIVRO, pensa-se logo no destino, no que está escrito, no que é aberto, claro e verificável.
Falta muito ainda, especialmente acertar detalhes e dar unidade ao conjunto, experimentar métodos de impressão (fica lindo tipo foto em papel opaco). Fiz questão também de criar algo sem compromisso com nenhum Tarô Tradicional, seja em matéria de imagens, seja mesmo em número de lâminas. O que sei é haverá O LIVRO, O HOMEM, A MULHER, A MORTE, O IMPONDERÁVEL, O SÁBIO, O TEMPLO, A ESPERANÇA, A FORÇA, O AMOR, A DESCOBERTA, A PASSAGEM... E o que mais me der vontade de fazer. Vou mostrar aos poucos aqui, afinal, sei que há leitores que gostaram da idéia, e isso faz muita diferença, porque estimula a gente a prosseguir, apesar das tais das ocupações "profanas".

Postagens mais visitadas